MAIOR ESTUDO SOBRE CORONAVÍRUS INDICA PRINCIPAIS FATORES DE RISCO

Um estudo feito no Reino Unido e publicado na revista científica Nature com mais 17 milhões de pessoas (o maior até o momento) apontou os fatores de risco do novo coronavírus. Dos 17.278.392 adultos que foram estudados nos últimos três meses, 10.926 morreram por complicações da covid-19.

Segundo os pesquisadores, os homens correm mais risco de morte pela doença, bem como pessoas mais velhas, com diabetes, asma severa e outras condições médicas, como obesidade, doenças respiratórias, problemas cardíacos crônicos, AVCs, demência e outros problemas neurológicos. Em relação às etnias, os negros e os asiáticos da parte Sul do continente são mais vulneráveis ao vírus.

As descobertas são corroboradas por diversos outros estudos já feitos sobre os fatores de risco do SARS-CoV-2. Em maio, de acordo com o jornal britânico The Guardian, os especialistas ainda não sabiam ao certo qual é o motivo da mortalidade ser mais alta para os homens do que para as mulheres. A hipótese é uma combinação de três fatores: hábitos, higiene e hormônios.

Já os diabéticos são apontados por diversas pesquisas como integrantes do grupo de risco da doença. A asma, por sua vez, pode agravar o caso de falta de ar, sintoma comum do vírus.

Fonte: https://exame.com/ciencia/maior-estudo-sobre-coronavirus-indica-principais-fatores-de-risco/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP