DIFERENÇAS DOS MODELOS DAS MÁSCARAS DESCARTÁVEIS DE PROTEÇÃO FACIAL

Mais uma vez, são necessárias algumas explicações sobre as máscaras descartáveis de proteção facial.

Os dois modelos de máscaras faciais de proteção utilizadas neste momento, são:

  • Modelo N95 (de trama mais espessa) com maior durabilidade, podendo ser higienizadas (1-2x) mas, comumente usadas com uma máscara cirúrgica sobre ela.
  • Máscaras cirúrgicas de TNT (tecido não tecido) que tem a duração de até 4 horas, desde que não umedecidas, quando deverão ser trocadas.

As máscaras N95 devem ser utilizadas por profissionais da saúde, que estejam em atendimento aos pacientes com quadro de Covid-19, principalmente em procedimentos a beira do leito.

As máscaras cirúrgicas devem ser utilizadas por pacientes portadores de doenças, imunodeprimidos e os que estiverem com sintomas como febre e tosse e, principalmente, com falta de ar. Além destes, todos os profissionais de saúde que estejam em atendimento de pacientes suspeitos e sintomáticos, ainda sem quadro positivo para Covid-19.

Alguns veículos de comunicação divulgaram a utilização de máscaras cirúrgicas para quaisquer pessoas que estejam em movimentação em ambientes fechados, mesmo evitando aglomerações.

Além destas, vem sendo crescente a comercialização de máscaras de fabricação caseira de tecidos, algodão por exemplo, que servem para tentar evitar o contato de gotículas de saliva entre as pessoas.

Que fique claro que, nenhuma confere garantia total de não contaminação contra o COVID-19.
 

Ressaltamos a importância de evitar o contato das mãos com a boca, nariz e olhos, e manter o distanciamento de outras pessoas de no mínimo 1 metro.


Atenciosamente,
GESTÃO DE SAÚDE E BEM ESTAR VICTORY

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP