CORONAVÍRUS E SUPERFÍCIES

BOLETIM INFORMATIVO
CORONAVíRUS – Covid-19
03/2020

Saiba quanto tempo o coronavírus sobrevive em superfícies

Pesquisas iniciais mostram que o vírus pode sobreviver no ar por até três horas e, segundo um estudo publicado pelo “New England Journal of Medicine”, o novo coronavírus pode sobreviver por quatro horas em superfícies de cobre, por um dia no papelão e até três dias no plástico e no aço inoxidável. Estes são dados preliminares, ainda em fase de testes.

O invólucro dos vírus também é a explicação de porque eles podem sobreviver em locais onde a temperatura é mais baixa. Eles têm um invólucro de gordura que ajuda as partículas a se transportam no ar de forma mais eficiente. Locais com umidade mais alta e onde há temperaturas mais moderadas, pouco vento e superfícies sólidas facilitam a propagação do novo coronavírus.

Os desinfetantes precisam atuar de cinco a seis minutos para matar todas as partículas virais presentes nas superfícies. Os álcool em gel, este usados para higienizar as mãos, não são ideais para limpar as áreas contaminadas, porque, segundo a professora Rachel Graham, eles têm um teor de álcool mais baixo por serem indicado para retirar somente as partículas virais, sem tirar os óleos e a umidade da pele.

Formas de transmissão do coronavírus:

• Gotículas de saliva;

• Espirro;

• Tosse;

• Catarro;

• Contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão;

• Contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Sobrevida do SARS-COV-2 (COVID-19)

Fonte: Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos E.U.A (COC, na sigla em inglês)

Atenciosamente,
Gestão de Saúde Victory

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP