‘CORONAVAC PODE ESTAR DISPONÍVEL EM DEZEMBRO’, ACREDITA NOVO SECRETÁRIO DE SAÚDE DE SP

O novo secretário de Saúde do Estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn, acredita que, se mostrar resultados positivos, a CoronaVac pode estar disponível à população entre dezembro de 2020 e janeiro de 2021. “Se os resultados da terceira fase de testes da vacina mostrar nos próximos três meses uma produção de anticorpos e eles se mantiverem elevados, muito provavelmente a Anvisa vai liberar os primeiros lotes para serem ministrados para uma pequena parte da população.”

Em entrevista ao Jornal da Manhã, Gorinchteyn disse que, se acontecer dessa forma, os estudos vão continuar em paralelo com a aplicação para grupos específicos. “A vacina em parceria do laboratório Sinovac com o Instituto Butantan já se mostrou, em fases anteriores, segura e com efeitos colaterais mínimos. Mas, mais do que isso, ela precisa cumprir a função dela: produzir anticorpos que se mantenham por, pelo menos, um período de tempo de pelo menos 12 meses.” Ele citou, por exemplo, a vacina da gripe — que precisa ter a dose reforçada anualmente.

Jean Gorinchteyn, que foi anunciado na tarde da terça-feira (21) como substituto de José Henrique Germann na pasta da Saúde, anunciou que pretende viajar pelo interior do Estado para entender a atuação da Covid-19 em outras cidades além da capital paulista. “Temos, ainda, 20% dos municípios com casos confirmados em ascensão. Precisamos ser rígidos, junto com autoridades locais, para que os munícipes entendam a importância de diminuir a circulação do vírus — que implica também em diminuir a circulação de pessoas. Se não, as cidades serão muito impactadas em número de casos e mortes, além de retardar a flexibilização.”

Gorinchteyn negou, porém, que a cidade de São Paulo avance para a Fase 4 – Verde na próxima atualização do mapa do Plano São Paulo, que acontece nesta sexta-feira (24). “Nós temos que entender que o município atingiu números respeitosos em termos de controle. Se manter assim, poderemos avaliar se em 14 dias poderemos progredir para a Fase Verde. Vai depender dos dados estatísticos. Essa análise vai fazer que a gente trabalhe uma flexibilização lenta e gradual, mas segura para a população.”

Fonte:

https://jovempan.com.br/programas/jornal-da-manha/coronavac-pode-estar-disponivel-em-dezembro-acredita-novo-secretario-de-saude-de-sp.html

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP